Connect with us

BLOCKCHAIN

O que é Atomic Swaps

O que é Atomic Swaps e por que é importante?

Atomic Swaps, ou atomic cross-chain, é a troca de uma criptomoeda por outra criptomoeda, sem a necessidade de confiar em terceiros.

Uma tecnologia relativamente recente, negociar atomic cross-chain procura revolucionar a maneira pela qual os utilizadores fazem transações entre si.

Por exemplo, se Ana possuísse 5 Bitcoins, mas quisesse comprar 100 Litecoins, ela teria que passar por uma plataforma “exchange”, ou seja, passar por terceiros. No entanto, com Atomic Swaps, se Susana possuísse 100 Litecoins, mas ao invés disso queria 5 Bitcoins, então Susana e Ana poderiam fazer uma negociação.

A fim de evitar, por exemplo, que Ana aceite os 100 Litecoins da Susana, mas não consegue enviar os seus 5 Bitcoins, os Atomic Swaps utilizam o que é conhecido como contratos “hash time-locked contracts (HTLCs)”.

Os contratos de Hash time-locked garantem que o processo de Atomic Swaps não necessita que os intervenientes tenham confiança entre si, garantindo que ambos atendam aos requisitos do negócio.

As HTLCs exigem que o destinatário de um pagamento / transacção reconheça o recebimento do pagamento antes de um determinado prazo, gerando um comprovativo criptográfico de pagamento. Caso contrario o destinatário corre o risco de perder o direito de reivindicar o pagamento / transacção, devolvendo assim as moedas ao remetente.

Portanto, para que ocorra uma troca entre Ana e Susana, ambos devem enviar seu pagamento / transação para suas respectivas blockchain, Ana para a blockchain Bitcoin e Susana para a blockchain Litecoin.

Para que Ana reivindique os 100 Litecoins enviados de Susana, ela tem que criar um número que só ela sabe, utilizando um hash[1] criptográfico para o gerar, e para poder fornecer a prova de pagamento. Da mesma forma, para que Susana reivindique os 5 Bitcoins enviados de Ana, ela também deve fornecer o mesmo número, que foi usado para gerar o hash[1] criptográfico.

Requisitos para Atomic Swaps

Por mais empolgante que essa tecnologia seja, há alguns requisitos fundamentais que uma criptomoeda tem que ter antes que possa utilizar Atomic Swaps com êxito. Um desses requisitos é a implementação da rede Lightning.

Se um contrato hash de time-locked [2] puder ser considerado como uma ligação de dois blockchains, a rede Lightning pode ser considerada como uma ligação entre os canais de pagamento. Ou seja, para Ana e Susana transacionarem entre elas, elas devem estar vinculadas por meio de canais de pagamento. A rede Lighting permite isso.

Além disso, para que uma transação ocorra entre dois blockchains diferentes, é necessário que ambos blockchains compartilhem a mesma função hash criptográfica, como SHA-256. Isso permite que o contrato que foi bloqueado por time-locked funcione corretamente, quando o utilizador fornecer o número que foi gerado por meio da função hash.

Em que ponto estamos agora

O futuro de Atomic Swaps parece brilhante.

O fundador da Litecoin, Charlie Lee, completou recentemente com sucesso uma transacção com Atomic Swaps utilizando Litecoin e Bitcoin, Vertcoin e Decred. Com a inovação contínua, o desejo é que a tecnologia Atomic Swaps nos permita executar trocas descentralizadas que sejam convenientes para um utilizador médio.

No entanto, a ressalva do recente sucesso das Atomic Swaps é que todos essas Swaps (trocas) exigiam bons conhecimentos informáticos. O que isto significa é que, para que o utilizador médio realize uma Atomic Swaps entre duas criptomoedas, seria necessário fazer o download das blockchains de ambas as moedas. Como pode adivinhar, esse processo não é muito prático para um utilizador comum. No entanto, uma Atomic Swaps recente e bem-sucedida forneceu a solução para esse problema.

A equipe de Komodo, que atualmente está a tentar construir sua própria troca (Swaps) descentralizada chamada de BarterDEX, está à frente dos demais tendo completado com sucesso um Atomic Swaps utilizando um servidor Electrum. Isso é importante porque o servidor Electrum permite que um utilizador interaja com uma criptomoeda sem ter que baixar o blockchain inteiro. Portanto, isso torna a perspectiva de uma troca descentralizada ainda mais prática.

Para concluir

Há uma infinidade de trocas descentralizados que estão a utilizar essa tecnologia para alterar completamente a maneira como nós, como utilizadores, realizamos transações. Projectos como o Blocknet, que estão a procurar criar a internet de blockchains através do utilização de Atomic Swaps. Até mesmo a criação de bolsas semi-descentralizadas, como a Lykke, que cobra 0% de comissão sobre operações. Escusado será dizer que a tecnologia blockchain, mas mais especificamente, o comércio de Atomic cross-chain, é um espaço para seguir.

 

[1] Hash – É um algoritmo (sequência de Bits gerados) que mapeia dados de comprimento variável para dados de comprimento fixo.

[2] Time-Locked  – É um tipo de cadeado com um mecanismo que impede que seja aberto antes de um determinado tempo.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CELSIUS

COINBASE

LUNO

PRESEARCH

Newsletter

Market Cap

CATEGORIA

Translante

Tendências

Translate »