Connect with us

BLOCKCHAIN

Stablecoins o que são e para que servem?

chris-liverani-dBI-unsplash

Stablecoins (moedas estáveis), o que são, para que servem e qual a sua vantagem em relação as outras criptomoedas?

O que são?

Stablecoin são moedas digitais projetadas para manter um valor constante em relação a outro ativo. Esse outro ativo pode ser uma mercadoria como uma onça de ouro; um dólar criado pelo Tesouro dos EUA (USD) ou outra moeda fiduciária; ou outra stablecoin.

É um termo utilizado para descrever uma criptomoeda destinadas a manter o seu valore estável.

Por exemplo, a primeira moeda a ser criada foi a Tether (USDT. É uma criptomoeda baseada em blockchain destinada a ser negociada por US $1 dólar. Tem um preço fixo ao dólar ou outra moeda fiduciária”.

Outra maneira de entender melhor o que é uma stablecoins é saber para que servem e, porque tem tanta procura e sucesso!

Para que servem?

A razão, pela qual há necessidade de uma moeda estável também é simples de entender.

Foram projetadas para minimizar a volatilidade do preço das criptomoedas que tem muita dificuldade de utilização.

Como o mercado das criptomoedas é muito instável, negociar com elas, era muito difícil devido à constante necessidade de conversão que tornaria um pesadelo para os comerciantes, e outra razão é devido à falta de regulamentações e restrições existentes.

Dos vários exemplos possíveis, apresentamos um simples como a dificuldade de uma empresa pagar aos seus funcionários com uma criptomoeda que é volátil e, o pesadelo constante de conversão e custos associados.

A criação das stablecoin, pode ser com algum ativo “estável” ou cesta de ativos. Pode ser atrelada a uma criptomoeda, dinheiro fiduciário ou a mercadoria (commodities) negociadas em bolsa (como metais preciosos ou industriais).

Uma lista com praticamente todas as stablecoins existentes no mercado das criptomoedas que pode encontrar no site da Blockdata. Faltando como, por exemplo, uma muito conhecida a Gemini criado pelos irmãos winklevoss.

Blockdata-tech-site

Qual a sua vantagem em relação as outras criptomoedas?

Até 2018 só existia uma moeda estável, que era a Tether, mas hoje existe um número considerável de moedas estáveis em circulação

Cada moeda estável tem um conjunto único de mecanismos, mas todas elas geralmente funcionam da mesma maneira: detêm garantias de algum tipo (estão anexadas a algum activo) e administram a oferta da estabilidade para ajudar a incentivar o mercado a negociar por US $1 dólar.

Para algumas moedas, como Tether ou TrueUSD, o conceito é manter dólares em reserva para que possam ser resgatáveis pelo utilizador a qualquer momento.

Para outras, como o “DAI“, que é totalmente anexada a organização MakerDAO que é o primeiro dinheiro digital descentralizado estável do mundo e, sendo um cripto ativo (crypto assets) que funciona com contratos inteligentes (smart contract) na plataforma Ethereum, permite estabilizar o valor da “DAI” através de um sistema dinâmico de posições da dívida garantida (CDP).

CDP é um diferente tipo de empréstimo administrado por um mecanismo de feedback autónomo (smart contract) que facilita a criação do DAI contra garantias caucionadas, que são mantidas até o retorno do DAI retirado. Para mais informação como tudo funciona e como pode ganhar bons dividendos consulte o site da MakerDAO.

Demos mais ênfase à stablecoin DAI por ser a moeda que está ligada a uma plataforma como a Ethereum que é uma criptomoeda, permitindo não estar anexada a uma moeda fiduciária como o dólar e ser descentralizada.

Acabando por não estar dependente de terceiros (que é a finalidade das criptomoedas) permitindo funcionar com contratos inteligentes, da instrução de instrumentos com incentivos adicionais e não depender de garantias de outras entidades para efectuar as transacções entre os utilizadores.

Para finalizar, exemplos

Como já falado, a necessidade de uma moeda estável deriva da instabilidade do mercado das criptomoedas. Num dia pode cair 30 a 40% como pode subir essa mesmíssima percentagem.

Negociar com elas, era muito difícil devido à constante necessidade de conversão que tornaria um pesadelo para os comerciantes, e outra razão é devido à falta de regulamentações e restrições existentes.

Assim, para trocas dentro das criptomoedas que não podem ser negociadas em dólares, ter um substituto ao dólar ajuda. Porque ainda dependemos das moedas fiduciárias!

Um substituto ao dólar permite sair de um exchange após a venda de uma criptomoeda como a Bitcoin, e não ter que lida em dólares. E guardar numa criptomoeda com um preço estável… imitando assim o ato de vender Bitcoin para dinheiro!

Assim, utilizadores (traders) ou negociantes dos exchanges, podem transacionar entre plataformas sem grandes custos. Acabando por guardar as suas moedas com maior garantia e não estarem preocupados com volatilidades.

Vamos a um pequeno exemplo para perceber ainda melhor.

Num exchange XPTO, compro a moeda Ethereum (pode ser qualquer uma) por $100 dólares, o mercado está a subir. Quando a moeda atingir $150 dólares e estabilizar nesse valor, para garantir o meu ganho e, evitar uma quebra brusca no mercado, converto a moeda Ethereum (ETH) em Tether (USDT).

Agora tenho duas opções; guardo no exchange esse valor ($150 dólares) e espero que o mercado volte a cair para retomar todo o processo de investimento ou retiro para uma carteira e não estar dependente de terceiros.

Claro que este método é mais para traders ou comerciantes de alavancagem, ou para os próprios exchanges transacionarem grandes valores entre si.

Para um utilizador que não negoceia regularmente existem algumas opções bastante interessantes.

Como existe muita procura de stablecoins, porque estas moedas são muito utilizadas diariamente como referenciado. Podendo “emprestar” as suas moedas com boas taxas que podem ir de 6% a 12%. Pode ver no post que fizemos.

Como pode ler, as stablecoins são as que dão melhores retornos.

No entanto, para aqueles que se consideram “cripto puristas”, uma moeda estável nada mais é do que um reconhecimento da necessidade de confiar na moeda fiduciária como fonte de estabilidade, mesmo que o principal objetivo dos criptos seja romper com os sistemas monetários centralizados

Aviso Legal:

Esta informação não deve ser interpretada como um endosso de criptomoedas ou qualquer serviço, ou oferta específica. Não é uma recomendação para negociar. Criptomoedas são especulativas, complexas e envolvem riscos significativos – são altamente voláteis e sensíveis. Investimentos são imprevisíveis e o desempenho do passado não é garantia para futuros ganhos. Considere fazer as suas próprias pesquisas e obtenha o seu próprio juízo de valor antes de confiar nessa informação.

Isto não é conselho para investimento, CryptoPedro não é consultor financeiro. São simplesmente as próprias opiniões, como tal, isto não deve ser tratado como conselho financeiro, de negociação ou de investimento.

As informações contidas neste texto foram obtidas de fontes consideradas confiáveis, mas não garantimos a sua exatidão, CryptoPedro isenta-se expressamente de qualquer responsabilidade. Nem a informação, nem quaisquer opiniões expressas constituem uma solicitação de compra ou venda de contratos. As informações contidas neste site, compiladas pelo CryptoPedro são apenas para propósitos gerais. Todas as informações e dados aqui contidos são fornecidos como estão. O site CryptoPedro não assume responsabilidade por quaisquer erros ou omissões. É  responsável pela utilização dos dados aqui exclusivamente por sua conta e risco. Todos os dados e informações aqui contidos não se destinam a fins comerciais ou para aconselhamento comercial.

CryptoPedro não é consultor financeiro e isto não conselhos financeiros. CryptoPedro é apenas um ‘blog’ humilde com uma grande paixão pelo mercado das criptomoedas.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

COINBASE

LUNO

PRESEARCH

Newsletter

Market Cap

CATEGORIA

Translante

Tendências

Translate »